17 de setembro de 2008

Repensando o conceito de CULTO AO SENHOR

Esses dias fui questionada sobre o que o culto evangélico, o que é, como é, qual a duração, por que cada igreja tem um formato diferente para seus cultos, porque os cultos eram iguais, tentei responder a essa pessoa, e aproveitei para repensar o conceito de culto.
No dicionario culto é:
Momento de adoração, veneração, reverencia a alguém. Reunião de fiéis para homenagear a alguém, momento de devoção religiosa, contrição ...
Geralmente há uma liturgia a ser seguida em cada reunião, uma sequência previsível e fixa.
Já tive o privilégio de participar de reuniões onde a glória de Deus chegou de tal forma que essa estrutura foi desfeita. O culto começou com oração, e que oração! Houve quebrantamento, cura, arrependimento, salvação, o derramar dos Espírito Santo, ninguém conseguia cantar, falar, apenas Deus fluiu sobre as pessoas.
Participei de algumas reuniões onde começou com louvores, e através dos cânticos pessoas foram ministradas, a pessoa que dirigia o louvor, cantou, pregou, ministrou cura, falou profeticamente, e foi um dos cultos que vi muitas pessoas serem salvas.
Também já fui a reuniões que fez tudo conforme a tradição, mas o culto estava tão cheio da presença de Deus, que em todos os momentos as pessoas se derramavam diante de Deus.
O importante NÃO É O FORMATO.
O que importa é que durante as reuniões as pessoas possam experimentar mais de Deus, tenham liberdade de expressar-me diante de Deus, cantem, orem, dancem, dediquem a Ele suas vidas e todos os meus pensamentos, e que independente do formato haja liberdade.
É impressidivel que Deus seja realmente louvado, suas grandes obras lembradas, e que todos O adorem de verdade... é para ele esse momento, APENAS PARA ELE!

2 comentários:

Bec@ disse...

Infelizmente, desenvolveu-se no meio evangélico, um formato de culto fechado, hermético, e sem a menor liberdade para se expressar o verdadeiro louvor e adoração, como se as pessoas, no dia-a-dia fossem assim tão formais. A vida não é assim. Nós não somos suficientemente formais, para querermos transparecer formalidade perante um Deus que sabe tudo ao nosso respeito, que nos conhesse e sonda nossos corações.

Por isso, acho q culto vai muito além de uma liturgia, de um momento de reunião entre quatro paredes. Nosso culto deve ser contínuo porque cada um de nós, pessoas salvas, é um templo ambulante.

Se estivermos conscientes de que cada pensamento, palavra e atitude nossa diante das circunstâncias de nossa vida; conscientes de q TUDO deve ser para glória de Deus (I Cor. 10:31), então, estaremos prestando o culto eterno q Pr. Ariovaldo se refere no seu blog.
(Se vc tiver oportunidade acesse: www.ariovaldoramos.com.br e selecionei a pregação em áudio "O Culto Eterno". Pense numa mensagem poderosa!)

Ainda com relação as reuniões tenho aprendido que na obra de Deus nada se faz sem unção... culto sem unção é apresentação, ministério sem unção é profissão, pregação sem unção é falação, ministração sem unção é presunção. Entretanto, culto com unção é adoração, ministério com unção é dedicação, pregação com unção é profecia. ministração com unção é manisfestação garantida do poder de Deus!!!

Por isso q há reuniões as quais experimentamos a glória de Deus, os prodígios, sinais e maravilhas são notórios. Porque Ele está verdadeiramente presente no interior daqueles verdadeiros adoradores q o adoram em espírito e em verdade (João 4:23-24).
Então, quando o Espírito está presente há liberdade (II cor. 3:17) e toda liturgia, dogmas, e formatos caem por terra para dar espaço ao agir sobrenatural de Deus.

Miriam, eu vejo Cristo em vc, vejo em vc uma verdadeira adoradora, uma filha muito amada q cultua a Deus em tudo q faz, até no seu blog. Olha, vc um instrumento de Deus para atrair A Noiva para mais intimidade. Deus está levantando muitos líderes e levitas ungidos (e vc é um desses) e um poderoso movimento de adORAÇÃO, porque Ele está arrumando o palco para o casamento, para as bodas do cordeiro...

Que nossa vida seja um eterno culto ao Senhor, mais santidade, mais consagração, mais Dele em nós... Isso é avivamento!!!

Louvo a Deus por existir pessoas como vc. E saiba q Deus mais ainda por poder contar com vc!

Vc é benção! E q a unção do Senhor seja renovada, esteja sempre com vc.
=> II Reis 9:6 / I João 2:20

Bjs =)

Miriam Paula disse...

transparecer formalidade perante um Deus que sabe tudo ao nosso respeito, que nos conhesse e sonda nossos corações.

Essa frase de Bec@ é perfeita!!!
Obrigada amiga!